Archive for Agosto, 2009

“… sei que na empresa também estão sempre muito atentos aos meus resultados…”[José Moreira]

Agosto 30, 2009

assim se faz o dia-a-dia do atleta internacional português José Moreira, o segundo melhor europeu na prova de maratona nos mundiais da alemanha. um atleta que profissional só consegue mesmo ser nas férias.José_Moreira_Maratonista_Campeão_Europeu_Fiel_Armazém

José_Moreira_Maratonista_Campeão_Europeu_Fiel_Armazém_1

 José Moreira, 29 anos, é empregado de armazém numa empresa de artes gráficas de s. joão da madeira, onde também reside. 

a compreensão na empresa, em que cumpre um normal horário de expediente, é também um factor de peso na actual carreira. “não me posso queixar. sempre que preciso de alguma coisa, por exemplo para participar numa prova internacional, não tenho problemas e sei que na empresa também estão sempre muito atentos aos meus resultados”, reconhece, sem esconder o sonho que alimenta: “neste momento tenho o meu trabalho e tenho que pensar nele. mas como antes sonhava em ir à selecção nacional agora também me vai passando pela cabeça o sonho de ser profissional.

mas sobretudo temos que ter os pés assentes na terra”, confessa.

José_Moreira_Maratonista_Campeão_Europeu_Fiel_Armazém_2

José_Moreira_Maratonista_Campeão_Europeu_Fiel_Armazém_3http://dn.sapo.pt/gente/interior.aspx?content_id=1347257

Anúncios

“a malta bombeira de oliveira do bairro já tem PEM em casa!”

Agosto 29, 2009

Ambulancia_PEM_BVOB

os bombeiros voluntários de oliveira do bairro já têm o seu PEM em casa!

as novas ambulâncias – PEM visam renovar a frota de meios que já existia nos corpos de bombeiros, dotando-os de melhor capacidade de resposta a situações de emergência pré-hospitalar.

os bombeiros voluntários de aveiros novos, bombeiros voluntários de ílhavo e bombeiros voluntários de vagos também vão ter o seu PEM.

http://bairradadigital.pt/blog/2009/08/28/oliveira-do-bairro-com-ambulancia-inem/#more-2313

‘Diabinha’ leva praia até à final

Agosto 27, 2009

V%c3%a2nia_San..[1]

“Isto dá muito trabalho”, explicava sorridente a avó de Tomás Birra, enquanto o pequeno artista se empenhava em rasgar as algas que dariam cor aos vulcões que levantava do areal da praia da Barrinha, em Esmoriz, em mais uma edição das Construções na Areia. A névoa matinal não afastou as dezenas de participantes, familiares e veraneantes atentos, empenhados em ver a areia ganhar formas.

A adesão dos jovens do escalão A, dos 6 aos 11 anos, foi grande e, além de esgotarem as inscrições, ocuparam ainda os lugares deixados pelos mais crescidos, do escalão B. A escassos metros do mar que, pela agitação, não convidava a banhos, os jovens davam asas à imaginação. Com o auxílio de baldes de água, pás, pincéis e espátulas, nasciam no areal as habituais esculturas de cavalos-marinhos, tartarugas, sereias, borboletas e castelos.

Mas foi a “diabinha” esculpida por Vânia Santos, de 12 anos, que encantou o júri e que levará a Barrinha até à final, no dia 6 de Setembro. Com uma espátula e uma esponja, a jovem esculpiu minuciosamente uma “diabinha” apetrechada de um tridente e, a seus pés, várias chamas de fogo. “Gosto de diabos, caveiras e essas coisas”, explicou ao DN. O irmão, Tiago Santos, de 8 anos, conquistou pela primeira vez o primeiro lugar do escalão A. “É um caranguejo a tentar apanhar um peixe, mas não consegue porque tem que esticar mais o braço”, diz Tiago.

Inspirada nos pescadores que desde pequena vê naquela praia e que, como faz questão de salientar, “são uma das características da zona”, Bárbara Vaz, de 14 anos, conquistou o segundo lugar do escalão B. Com os materiais de construção nas mãos, os pequenos artistas abandonaram os seus lugares para a fotografia de grupo. O grito final demonstrava o entusiasmo: “Viva as construções na areia”.

Texto de Joana Capucho

Foto de Ana Jesus Ribeiro

“barra, torreira e furadouro: os mestres na areia posaram para a… final!”

Agosto 26, 2009

Bruno_Silva_Dragão_Barra 

Convidada_Barra

 

 

http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/Interior.aspx?content_id=1343156

Ana_Lopes_Neptuno 

Convidada_Torreirahttp://dn.sapo.pt/inicio/portugal/Interior.aspx?content_id=1344066

André_Silva_O_Casal 

Convidada_Furadourohttp://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1344797

“o estado de choque na residência da jovem vítima, Pedro Tavares, e no romezal.”

Agosto 25, 2009

Acidente_Irlanda_Residência_Pedro_Tavares_1

o pacato lugar do romezal, em silva escura, concelho de sever do vouga, viveu ontem um dia “de choque”. a expressão foi usada por um morador ao dar conta do sentimento gerado pela perda de um jovem filho da terra, Pedro Tavares, um dos quatro trabalhadores portugueses que morreram, domingo, no brutal acidente rodoviário ocorrido na longínqua irlanda do norte.

Paulo Branco, 38 anos, natural de barrô, águeda, foi o único sobrevivente, tendo sofrido ferimentos graves.

http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1344034

“invasão criativa de tartarugas na praia de francelos!”

Agosto 24, 2009

Camila_Silva_Tartaruga_Gigante_Francelos Diogo_Nunes_Tartaruga_Pedras_Francelos

os motivos marinhos predominaram no areal da praia nortenha, onde empenhados artistas deram vida às quadrículas que lhes eram destinadas.

http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1342805

Obras da Refer afectam Centro Hípico

Agosto 23, 2009

Centro_Hípico_Ovar_Obra_Refer

No perímetro urbano da cidade de Ovar, no largo 1º de Dezembro instalado numa quinta, funciona o Centro Hípico de Ovar (CHO), empresa criada há 11 anos para ensino de equitação, treinos, manutenção de montadas de particulares (de competição ou recreio) e hipoterapia. Há cerca de um mês, a vida pausada do Centro Hípico foi fortemente perturbada pela agitação de gruas e maquinaria pesada de construção. Era o início das obras de construção de um viaduto sobre a Linha Ferroviária do Norte nessa zona, a cargo da Refer (Rede Ferroviária Nacional) e da Câmara Municipal de Ovar e que atravessa a área do CHO.

As obras vieram alterar o próprio espaço do CHO: os balneários e casa de apoio ficaram separados da valência principal; a área de aves exóticas e outros animais que fazia parte do antigo centro educativo, no início da empresa, vai ser arrasada, tal como 20% da área de dois picadeiros, que perderão funcionalidade, segundo a empresária do CHO, Ruth Henriques.

Da totalidade dos 35 cavalos que viviam no Centro Hípico de Ovar, 10 já foram retirados pelos donos e os restantes têm a sua psicologia alterada perante o ruído, o pó e a azáfama das obras. Para comprovar, o CHO para a imprensa apresenta um relatório médico do veterinário Miguel Viegas: “um estado de stress permanente desemboca em quadros de cólicas agudas e eventualmente morte ou invalidez permanente. Desde que começaram as obras já foram contabilizados três quadros clínicos de cólicas nervosas e um caso de inflamação aguda”. O trabalho de hipoterapia ficou cancelado. “Tínhamos mais de 20 crianças na hipoterapia, de entidades públicas e privadas, mas deixamos de ter condições “, diz Ruth Henriques, que ontem recebeu da Câmara de Ovar a promessa de tentar resolver o problema com a Refer.

Proprietária quer indemnização

Ruth Henriques diz-se a empresária do CHO, mas não a proprietária do terreno que lhe é arrendado. Fonte da Refer disse ao DN que expropria o proprietário do terreno, mas não se propõe indemnizar a CHO. Mas, segundo Ruth Henriques, foi feita uma proposta pela Ferbritas, empresa que processa as expropriações da Refer, em que os donos do CHO receberiam um montante, pago em duas prestações, para transferir a valência para outro local. “A Refer recusou e disse existirem condições para o CHO continuar no local”, acrescentou a empresária de Ovar. Fonte da Refer disse terem sido tomadas providências no sentido de minimizar os efeitos das obras: instalação de vedações nos limites da expropriação, acessos independentes para os utentes do centro e mobilização constante de um equipamento de rega dos solos para evitar o levantamento da poeira.

Texto de Joana Capucho (Fonte: Diário de Notícias)

Foto de Ana Jesus Ribeiro

“quem dança é muito mais feliz”

Agosto 23, 2009

Dança_Feliz

associação império jovem  vem convidá-la(o) a participar nas aulas de fitness & dance a decorrer no estrado da torre do relógio, na figueira da foz.

todos os dias das 16 às 19 horas!

 
esta actividade está inserida na programação da animação de verão da figueira da foz e é inteiramente gratuita.
 
até dia 31… venha divertir-se connosco.
apareça, traga amigos, passe a informação aos seus contactos e venha verificar que:
 
“quem dança é muito mais feliz”
 
aeróbica – hip hop – jazz – dança contemporânea – jive – reggaeton – funk – latinas

“óleo de fritar que já não presta, presta!”

Agosto 21, 2009

as câmaras terão de colocar na via pública 40 ecopontos para os cidadãos deitarem este resíduo até 2011. com esta medida, reduz-se o perigo da contaminação do solo e da água e aumenta-se, por exemplo, a produção de biocombustíveis.

Oleão_Sangalhos_Anadia

os primeiros 40 recipientes serão implementados até 2011 em concelhos com mais de 300 000 habitantes. para municípios menores, com oito mil pessoas, serão necessários apenas oito oleões. estes valores serão aplicados de forma gradual e duplicarão até ao final de dezembro de 2015.

[…] e há ainda vários projectos municipais de produção de biodiesel, um combustível alternativo, através de óleos alimentares usados recolhidos e tratados localmente.

aliás, no ano passado, o ministério do ambiente aprovou a possibilidade de as entidades públicas se constituírem como produtores dedicados de biocombustíveis, ficando isentas do pagamento do imposto sobre os produtos petrolíferos e energéticas.

num contexto de subida do preço do petróleo, muitas entidades locais começaram a apostar nestes processos de produção, utilizando o biocombustível na sua frota interna.

http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1327156

este oleão está localizado na freguesia de sangalhos, no concelho de anadia, implantado no mercado municipal, nos arredores da junta de freguesia. quantos mais haverá no concelho?

o óleo de fritar que já não presta,  presta! e o oleão mesmo ali à mão de se produzir biodiesel, recolhendo e tratando.

“rentrée do CDS/PP no círculo eleitoral de Paulo Portas: em aveiro”

Agosto 20, 2009

o CDS-PP escolhe habitualmente aveiro, o círculo eleitoral de Paulo Portas, Rentrée_CDSpp_Paulo_Portas para as iniciativas de abertura do ano político.

este ano, devido ao período de pré-campanha eleitoral para as legislativas e autárquicas, o CDS-PP decidiu avançar com a “rentrée” já a 22 de agosto, este sábado, para se “antecipar” ao PS e ao PSD. [fonte: SIC]

antes do comício haverá uma “reunião geral” com candidatos às eleições legislativas, autárquicos e com os presidentes das concelhias.

http://cds-pp-concelhiadeanadia.blogspot.com/2009/08/cds-pp-rentree-politica-sabado-dia-22.html