Archive for the ‘notícia cá da terreola’ Category

“novo projecto do comendador Joe Berardo nasce na aliança em sangalhos”

Abril 21, 2010

o aliança underground museum vai disponibilizar a partir de 24 de abril um conjunto de sete colecções do espólio do Comendador Joe Berardo, reforçando os espólios já patentes do museu colecção Berardo (CCB), sintra museu de arte moderna e museu monte palace (madeira).

o novo projecto vai ser inaugurado dia 24 de abril, às 16:00 horas, na aliança vinhos de portugal, em sangalhos (anadia).

na cerimónia, estarão presentes o comendador Berardo, o secretário de estado das pescas e da agricultura, Luis Vieira; e os membros do conselho de administração da aliança vinhos de portugal SA, entre outros.

estão patentes no espaço sete colecções: colecção arqueológica; arte etnográfica africana; escultura contemporânea do zimbabué; colecção de minerais; colecção de fósseis; azulejos e cerâmica das caldas.

http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=4&id_news=445782

Anúncios

“diligência TT em anadia: timbre e timing.”

Março 29, 2009

José Manuel Ribeiro vai quebrar o silêncio. jose_manuel_ribeiro_psd_anadia

o presidente da CPS/PSD convidou para uma conferência de imprensa, a ocorrer amanhã, dia 30 de março de 2009, pelas 12 horas, na sede concelhia do PSD, sita na cidade de anadia, junto ao quartel dos bombeiros voluntários.
a mesma terá como assunto o processo autárquico de anadia.

foi comentada uma possível notícia (circulada também pela freguesia de sangalhos, onde eu mesma, também tomei conhecimento e ontem, sábado),  http://anadia100gente.blogspot.com/2009/03/autarquicas-polemica-continua.html, de que a “nuvem distrital” PSD de aveiro voltou a recair na passada sexta-feira, sobre a candidatura de José Manuel Ribeiro, a “eleição” do PSD de anadia às autárquicas.

uma diligência “TT”, com timbre e timing.

“BTT e PSD: os sinais (laranja) distintos no concelho de anadia.”

Março 22, 2009

os lobos da montanha, http://lobosdamontanha.com.sapo.pt/index2.htm, já “uivam” na marcação de terreno e na pré-divulgação do passeio de BTT, da 6ª rota dos lobos, que irá acontecer dia 5 de abril… e no concelho de anadia! sinal_laranja_btt_marcacao1

“cuidado com os lobos! no lugar do paraimo, pela rua da estação (lado acesso velódromo nacional de sangalhos), uma sinalização apelativa!” lobos_montanha_marcacao_paraimo

entretanto, de forma distinta, o PSD de anadia já deu o seu sinal: a cabeça de lista dos delegados da secção de anadia à assembleia distrital de aveiro, Lígia Filipa Seabra convidou os meios de comunicação social para uma conferência de imprensa a ocorrer amanhã, segunda-feira dia 23 de março e pelas 12 horas, na sede concelhia do PSD de anadia, junto ao quartel dos bombeiros voluntários e da pastelaria riviera.

o processo autárquico de anadia em foco.

“não são protagonistas nem fazem barulho a seu bel-prazer!”

Janeiro 11, 2009

“azeitão: população quer continuar a lavar roupa à mão. até pode não acreditar, mas voltar a ter os lavadouros é uma alegria tão grande. a roupa mais pequena vai à máquina, mas os cobertores, os tapetes e os cortinados lavam-se bem é aqui… (…)para dotar os carenciados de máquinas de lavar, mas para Celestina Neves ( presidente de junta de azeitão ) o mais importante desta aposta é a conservação da memória colectiva.” http://dn.sapo.pt/2009/01/11/cidades/voltar_a_os_lavadouros_e_alegria_gra.html

saga “o lavadouro da minha terreola

saga_lavadouro_da_terreola no paraimo:”

 https://anajesusribeiro.wordpress.com/2008/08/25/os-electricistas-ja-chegaram-ao-lavadouro/?preview=true&preview_id=892&preview_nonce=e7ff0ca291:

eu quero destacar um exemplo de pessoa da freguesia mas não da terreola (lugar) que sempre foi lavadouro_paraimo_protagonista_queixa 

e foi protagonista invisível quando “algo não marchou com o lavadouro” do lugar do paraimo, freguesia de sangalhos, tanque público este situado junto à variante anadia (malaposta) – oliveira do bairro.

após a queixa “pública” da forma mais acessível possível e primitiva, e também como deve ser à respectiva junta de freguesia da falta de água em novembro de 2008 constatada frustradamente numa ida ao lavadouro para lavar à mão (ainda se lava à mão e bem jeito faz), “a água voltou”! lavadouro_paraimo_protagonista_apos_queixa

hoje domingo antes de almoço, tive o privilégio de constatar (com o conhecimento da mesma pessoa) o quanto de defensora pelo nosso lavadouro tem sido, foi a autora do “placard SOS”.

deixou registar a razão (os tapetes) sem se fazer à fotografia, sem protagonismo do “pode dizer quem sou” e prova viva na forma de estar correcta perante um problema ou entrave que foi a falta de água.

a preocupação em ter as condições funcionáveis no mínimo para lavar roupa à mão no lavadouro do paraimo, já que existe, mexeu com ela e muito na dela.

marca presença com assiduidade cívica pois no fim, o despejo dos tanques é da praxe. (aqui sem a pessoa contar com este meu registo pois tinha-se ausentado no momento)

lavadouro_paraimo_protagonista_exemplo

não são protagonistas nem fazem barulho a bel-prazer, em ambos os casos!

um exemplo de uma moradora de outro lugar que se mexeu e dá vida ao que é de todos na freguesia.

o lavadouro teve sempre uma vertente social (“corte e costura” à mistura :)) mas dou muita “cor à vertente cívica cortando na casaca” (disse-lhe) de quem (estava só com o marido) marca presença impecávelmente no e pelo lavadouro da minha terreola! lavadouro_paraimo_protagonista_lava

até podem não acreditar mas a minha alegria alguém se mexer assim sem… venham elas!