Posts Tagged ‘porto’

PORTO_15º Workshop “Fotojornalista por um dia+” 17 MAR. ’12

Março 1, 2012

A formadora/orientadora Ana Jesus Ribeiro (https://anajesusribeiro.wordpress.com; http://www.facebook.com/anajesusribeiro) prossegue o Seu projecto formativo “Fotojornalista por um dia+”, em jeito de workshop e a contabilizar o Seu 15º, a 17 MAR. (Sáb.) pela região do Porto.

A formadora aproveita para actualizar o agendamento dos seguintes workshops, estes dirigidos ao público em geral e postos em prática ao sábado:

16º Workshop – 5 MAI. Guimarães

17º Workshop – 26 MAI. Lisboa

18º Workshop – [Data(s) a designar; Aveiro]

19º Workshop – [Data a designar; Coimbra]

20º Workshop – [Data a designar; Algarve]

À imagem dos anteriores workshops já postos em prática, este conceito permite ao participante, a oportunidade de lidar de perto e em tempo real com as rotinas “profissionais”de um fotojornalista, acedendo em tudo semelhante à agenda interna da agência Global Imagens e, por conseguinte, dos meios do grupo Controlinveste, a referir Jornal de Notícias e Diário de Notícias, para a cobertura fotográfica de serviços.

Um conceito que é dirigido ao público em geral, que não distingue áreas de profissão nem faixas etárias, como é adaptável ao nível de conhecimento que o(a) interessado(a) possui em fotografia digital.

A agenda formativa (Sujeita a eventuais alterações consoante a agenda interna do jornal) engrena, pelas 9 horas, com a fundamental e relaxante HAPPY HOUR DE FOTOGRAFIA”, conceito que tem por objectivo a criação de empatia de grupo e o exercitar descontraído com motivos em movimento, contando com a dança para tal e com a prestação coreográfica dos bailarinos Daniela Costa e Ricardo da Silva do projecto de dança NEW GENERATION, integrado no projecto Pular a Cerca na Cª do Rugby, e aula esta que será tida no auditório da Junta de Freguesia de Campanhã.

A formadora preserva como importante esta “iniciação” no sentido de descobrir quais as noções técnicas e básicas de cada aluno(a) e uma forma construtiva de relaxamento, antes de partirem para uma nova experiência que será sentida na pele como um “dia de trabalho”, doseado de muita aprendizagem como de novas vivências.

O “Fotojornalista por um dia+” contará, mais uma vez, com a parceria pré-estabelecida com a agência de repórteres fotográficos designada de Global Imagens (GI) … Agência esta que executa as imagens para os meios do grupo Controlinveste tais como Jornal de Notícias, Diário de Notícias, … Sendo que um dos meios irá também proporcionar o acesso à agenda de serviços interna, que informará qual (quais) o (s) serviço (s) a cobrir, com a probabilidade de acompanhar os profissionais do meio.

O almoço “formativo”, pelas 13 horas, continua a marcar pontos e prima pela troca descontraída de experiências e saberes da formadora aos seus alunos, com a eventualidade de profissionais, fotojornalista e não só, partilharem deste mesmo almoço.

O “Coffee Press” passa a ser um momento pertinente integrante, em jeito de “Pequena Conversa/Palestra com…”, momento este que terá como convidado neste workshop, AMIN CHAAR, Ex-Fotojornalista de renome e da “velha guarda” do grupo Controlinveste (DN) … Que irá proporcionar uma partilha de experiências num café “à mão” e em hora a designar consoante a agenda de serviços dos jornais envolvidos, como consoante a disponibilidade do convidado em referência.

A importante discussão dos trabalhos realizados pelos alunos, depois de já parte importante do enriquecimento adquirido, está apontada para as 17.30 Horas na agência Global Imagens, sempre dentro e o mais semelhante ao espírito do Fotojornalista, desta vez, como complemento, também integrada a aprendizagem de como se edita o trabalho fotográfico executado em tempo útil.

Ana Jesus Ribeiro terá, como sempre, a preocupação formativa de fazer a “ronda” individual por cada aluno e ao longo de todo o workshop.

O dia de “serviço” terminará com outra cobertura fotográfica, pelas 22 horas, que será, com toda a certeza, também motivo de atenção por parte dos alunos.

Outros “bonecos” serão, porventura, apetecíveis ou pertinentes de registo, tais como fotos de arquivo, ao longo de todo o workshop, sempre sob a orientação formativa da formadora.

O “Fotojornalista por um dia+” prossegue contando com o apoio de carácter promocional e interactivo, por parte da agência de Comunicação e Eventos, MEDIA 1881 [http://www.media1881.com/site/; http://www.facebook.com/media1881.alwaysinmotion] (Sediada em Aveiro; Patrocínio da aula “Happy Hour”) … Como por parte da Associação Cultural d’ ORFEU [http://www.dorfeu.pt; http://www.facebook.com/dorfeu.associacao.cultural] sediada em Águeda, distrito de Aveiro.

O processo de inscrições encontra-se em aberto até dia 16 de Março (Meia-noite), no valor de 25 euros para os interessados portadores do Cartão Jovem, e no valor de 30 euros, para os não portadores (Para máximo de 15 horas, em frequência total ou parcial), com direito ao Certificado de Participação autenticado pela formadora, pela Direcção Regional do Norte do IPJ e pela Direcção da agência Global Imagens.

Inscrições a serem oficializadas directamente com a formadora, que se disponibiliza também pertinentemente no esclarecimento, através dos contactos:

E-mail jribeiro.ana@gmail.com e/ou telemóvel, 91 209 09 69.

[Nota de Imprensa]

 

Anúncios

BRAGA_14º Workshop “Fotojornalista por um dia+” 3 MAR. ’12

Fevereiro 8, 2012

BRAGA vai acolher, pela 1ª vez, o workshop com conceito arrojado e orientado por Ana Jesus Ribeiro (https://anajesusribeiro.wordpress.com; http://www.facebook.com/anajesusribeiro) e através da Sua 14º acção do projecto formativo “Fotojornalista por um dia+, a 3 de Março, sábado.

A formadora aproveita para informar o agendamento dos seguintes workshops:

14º Workshop – 3 MAR., Braga

15º Workshop – 17 MAR., Porto

16º Workshop – 5 MAI., Guimarães

17º Workshop – 26 MAI., Lisboa

18º Workshop – [Data a designar; Aveiro]

À imagem dos anteriores workshops já postos em prática, este conceito permite ao participante, a oportunidade de lidar de perto e em tempo real com as rotinas “profissionais”de um fotojornalista, acedendo em tudo semelhante à agenda interna do jornal “pedagógico” do Diário do Minho e dos meios do grupo Controlinveste, a referir Jornal de Notícias e Diário de Notícias, e na cobertura fotográfica de serviços.

Um conceito que é dirigido ao público em geral, que não distingue áreas de profissão nem faixas etárias, como é adaptável ao nível de conhecimento que o(a) interessado(a) possui em fotografia digital.

A agenda formativa (Sujeita a eventuais alterações consoante a agenda interna do jornal) engrena, pelas 9 horas, com a fundamental e relaxante HAPPY HOUR DE FOTOGRAFIA”, conceito que tem por objectivo a criação de empatia de grupo e o exercitar descontraído com motivos em movimento, contando com a dança para tal e com a prestação coreográfica da bailarina Ângela Fonseca e de Daniel Martins, elementos que integram o projecto de dança designado de BOUNCE PROJECT, e aula esta que será tida nas instalações do IPJ de Braga.

A formadora preserva como importante esta “iniciação” no sentido de descobrir quais as noções técnicas de cada aluno(a) e uma forma construtiva de relaxamento, antes de partirem para uma nova experiência que será sentida na pele como um “dia de trabalho”, doseado de muita aprendizagem como de novas vivências.

O “Fotojornalista por um dia+” contará, mais uma vez, com a parceria pré-estabelecida com a agência de repórteres fotográficos designada de Global Imagens (GI) … Agência esta que executa as imagens para os meios do grupo Controlinveste tais como Jornal de Notícias, Diário de Notícias, … Sendo que um dos meios irá também proporcionar o acesso à agenda de serviços interna, que informará qual (quais) o (s) serviço (s) a cobrir, com a probabilidade de acompanhar os profissionais do meio.

O almoço “formativo”, pelas 13 horas, continua a marcar pontos e prima pela troca descontraída de experiências e saberes da formadora aos seus alunos, com a eventualidade de profissionais, fotojornalista e não só, partilharem deste mesmo almoço.

O “Coffee Press” passa a ser um momento pertinente integrante, em jeito de “Pequena Conversa/Palestra com…” com um(a) convidado(a) ligado ao mundo da Comunicação Social, num café “à mão” e em hora a designar consoante a agenda de serviços dos jornais envolvidos, como consoante a disponibilidade do(a) convidado(a) a designar.

A importante discussão dos trabalhos realizados pelos alunos, depois de já parte importante do enriquecimento adquirido, está apontada para as 17.30 Horas no jornal Diário do Minho, sempre dentro e o mais semelhante ao espírito do Fotojornalista, desta vez, como complemento, também integrada a aprendizagem de como se edita o trabalho fotográfico executado.

Ana Jesus Ribeiro terá, como sempre, a preocupação formativa de fazer a “ronda” individual por cada aluno e ao longo de todo o workshop.

O dia de “serviço” terminará com outra cobertura fotográfica, pelas 22 horas, que será, com toda a certeza, também motivo de atenção por parte dos alunos.

Outros “bonecos” serão, porventura, apetecíveis ou pertinentes de registo, tais como fotos de arquivo, ao longo de todo o workshop, sempre sob a orientação formativa da formadora.

O “Fotojornalista por um dia+” prossegue contando com o apoio de carácter promocional e interactivo, por parte da agência de Comunicação e Eventos, MEDIA 1881 [http://www.media1881.com/site/; http://www.facebook.com/media1881.alwaysinmotion] (Sediada em Aveiro; Patrocínio da aula “Happy Hour”) … Como por parte da Associação Cultural d’ ORFEU [http://www.dorfeu.pt; http://www.facebook.com/dorfeu.associacao.cultural] sediada em Águeda, distrito de Aveiro.

O processo de inscrições encontra-se em aberto até dia 2 de Março (Meia-noite), no valor de 25 euros para os interessados portadores do Cartão Jovem, e no valor de 30 euros, para os não portadores (Para máximo de 15 horas, em frequência total ou parcial), com direito ao Certificado de Participação autenticado pela formadora, pela Direcção Regional do Norte do IPJ e pela Direcção do Diário do Minho.

Inscrições a serem oficializadas directamente com a formadora, que se disponibiliza também pertinentemente no esclarecimento, através dos contactos:

E-mail jribeiro.ana@gmail.com e/ou telemóvel, 91 209 09 69.

[Nota de Imprensa]

COIMBRA_13º Workshop “Fotojornalista por um dia+” 11 FEV. ’12

Janeiro 23, 2012

COIMBRA será, pela 3ª vez, região a “cobrir” por Ana Jesus Ribeiro (https://anajesusribeiro.wordpress.com; http://www.facebook.com/anajesusribeiro) através do Seu 13º Workshop do projecto “Fotojornalista por um dia+, a 11 de Fevereiro, sábado.

A formadora aproveita para (re) lembrar o agendamento dos seguintes workshops:

14º Workshop – 3 MAR., Braga

15º Workshop – 17 MAR., Porto

16º Workshop – 5 MAI., Guimarães

17º Workshop – 26 MAI., Lisboa

À imagem dos anteriores workshops já postos em prática, este conceito permite ao participante, a oportunidade de lidar de perto e em tempo real com as rotinas “profissionais”de um fotojornalista, acedendo em tudo semelhante à agenda interna do jornal “pedagógico” do Diário de Coimbra e dos meios do grupoControlinveste, a referir Jornal de Notícias e Diário de Notícias, e na cobertura fotográfica de serviços.

Um conceito que é dirigido ao público em geral, que não distingue áreas de profissão nem faixas etárias, como é adaptável ao nível de conhecimento que o(a) interessado(a) possui em fotografia digital.

A agenda formativa (Sujeita a eventuais alterações consoante a agenda interna do jornal) engrena, pelas 9 horas, com a fundamental e relaxante HAPPY HOUR DE FOTOGRAFIA”, conceito que tem por objectivo a criação de empatia de grupo e o exercitar descontraído com motivos em movimento, contando com a dança para tal e com a prestação coreográfica da bailarina Ângela Fonseca, elemento que integra o projecto de dança designado de BOUNCE PROJECT, aula esta que será tida nas instalações do IPJ de Coimbra.

Happy Hour esta que terá, excepcionalmente, a participação coreográfica, em formação simultânea, da própria formadora com a bailarina.

A formadora preserva como importante esta “iniciação” no sentido de descobrir quais as noções técnicas de cada aluno(a) e uma forma construtiva de relaxamento, antes de partirem para uma nova experiência que será sentida na pele como um “dia de trabalho”, doseado de muita aprendizagem como de novas vivências.

O “Fotojornalista por um dia+” contará, mais uma vez, com a parceria pré-estabelecida com a agência de repórteres fotográficos designada de Global Imagens (GI) … Agência esta que executa as imagens para os meios do grupo Controlinveste tais como Jornal de Notícias, Diário de Notícias, … Sendo que um dos meios irá também proporcionar o acesso à agenda de serviços interna, que informará qual (quais) o (s) serviço (s) a cobrir, com a probabilidade de acompanhar os profissionais do meio.

O almoço “formativo”, pelas 13 horas, continua a marcar pontos e prima pela troca descontraída de experiências e saberes da formadora aos seus alunos, com a eventualidade de profissionais, fotojornalista e não só, partilharem deste mesmo almoço.

A importante discussão dos trabalhos realizados pelos alunos, depois de já parte importante do enriquecimento adquirido, está apontada para as 17.30 Horas no jornal Diário de Coimbra, sempre dentro e o mais semelhante ao espírito do Fotojornalista, desta vez, como complemento, também integrada a aprendizagem de como se edita o trabalho fotográfico executado.

Ana Jesus Ribeiro terá, como sempre, a preocupação formativa de fazer a “ronda” individual por cada aluno e ao longo de todo o workshop.

O dia de “serviço” terminará com outra cobertura fotográfica, pelas 22 horas, que será, com toda a certeza, também motivo de atenção por parte dos alunos.

Outros “bonecos” serão, porventura, apetecíveis ou pertinentes de registo, tais como fotos de arquivo, ao longo de todo o workshop, sempre sob a orientação formativa da formadora.

O “Fotojornalista por um dia+” conquista, com sentido, mais uma parceria/apoio de carácter promocional e interactivo, para além da agência de Comunicação e Eventos, MEDIA 1881 [http://www.facebook.com/media1881.alwaysinmotion] (Sediada em Aveiro; também patrocínio da aula “Happy Hour”) … Desta vez, com a Associação Cultural d’ ORFEU [http://www.dorfeu.pt; http://www.facebook.com/dorfeu.associacao.cultural] sediada em Águeda, distrito de Aveiro.

O processo de inscrições encontra-se em aberto até dia 10 de Fevereiro (Meia-noite), no valor de 25 euros para os interessados portadores do Cartão Jovem, e no valor de 30 euros, para os não portadores (Para máximo de 15 horas, em frequência total ou parcial), com direito ao Certificado de Participação autenticado pela formadora, pela direcção regional em questão do IPJ e pela Direcção do Diário de Coimbra.

Inscrições que podem ser oficializadas no IPJ de Coimbra, via telefone pelo 239 – 790 600 ou via e-mail ipj.coimbra@ipj.pt, sendo que Ana Jesus Ribeiro se dispõe directamente a optimizar as mesmas inscrições como também no esclarecimento, através do e-mail jribeiro.ana@gmail.com e/ou pelo móvel, 91 209 09 69.

[Nota de Imprensa]

LISBOA_11º Workshop “Fotojornalista por um dia+” 21 JAN. 2012

Dezembro 26, 2011

 

NOTA IMPRENSA

 WORKSHOP “Fotojornalista por um dia+”

21 JAN. ‘12

LISBOA

 LISBOA foi a região escolhida por Ana Jesus Ribeiro (https://anajesusribeiro.wordpress.com; http://www.facebook.com/anajesusribeiro) para acolher 2012 como formadora/orientadora e através do Seu 11º Workshop do projecto “Fotojornalista por um dia+, a 21 de Janeiro, sábado.

A formadora pode avançar, desde já, com o pré-agendamento dos seguintes workshops:

12º Workshop – 4 FEV., Leiria

13º Workshop – 11 FEV., Coimbra.

14º Workshop – 3 MAR., Viana do Castelo

15º Workshop – 10 MAR., Braga

16º Workshop – 17 MAR., Porto

À imagem dos anteriores workshops já postos em prática, este conceito permite ao participante, a oportunidade de lidar de perto e em tempo real com as rotinas “profissionais”de um fotojornalista, acedendo em tudo semelhante à agenda interna do jornal “pedagógico” do grupo CONTROLINVESTE e na cobertura fotográfica de serviços.

Um conceito que é dirigido ao público em geral, como adaptado ao nível de conhecimento que o aluno ou a aluna possui em fotografia digital.

A agenda formativa (Sujeita a eventuais alterações consoante a agenda interna do jornal) engrena, pelas 9 horas, com a fundamental e relaxante HAPPY HOUR DE FOTOGRAFIA”, conceito que tem por objectivo a criação de empatia de grupo e o exercitar descontraído com motivos em movimento, contando com a dança para tal e com a prestação coreográfica da bailarina Ana Margarida Baltazar, elemento que integra o novo projecto de dança designado de BOUNCE PROJECT, aula esta que será tida nas instalações do IPJ de Lisboa e Vale do Tejo.

A formadora preserva como importante esta “iniciação” no sentido de descobrir quais as noções técnicas de cada aluno(a) e uma forma construtiva de relaxamento, antes de partirem para uma nova experiência que será sentida na pele como um “dia de trabalho”.

O “Fotojornalista por um dia+” contará, mais uma vez, com a parceria pré-estabelecida com a agência de repórteres fotográficos designada de Global Imagens (GI) … Agência esta que executa as imagens para os meios do Grupo Controlinveste tais como Jornal de Notícias, Diário de Notícias, … Sendo que um dos meios irá proporcionar o acesso à agenda de serviços interna que informará quais os serviços a vivenciar, com a probabilidade de acompanhar o Profissional ou a equipa requisitada pela editoria do meio envolvido.

O almoço “formativo”, pelas 13 horas, continua a marcar pontos e prima pela troca descontraída de experiências e saberes da formadora aos seus alunos, com a eventualidade de profissionais, fotojornalista e não só, partilharem deste mesmo almoço.

A importante discussão dos trabalhos realizados pelos alunos, depois de já parte importante do enriquecimento adquirido, está apontada para as 17.30 Horas na agência Global Imagens, sempre dentro e o mais semelhante ao espírito do Fotojornalista, desta vez, como complemento, também integrada a aprendizagem de como se edita o trabalho fotográfico executado, como a visualização de todo o processo de optimização de paginação em tempo útil.

Ana Jesus Ribeiro terá, como sempre, a preocupação formativa de fazer a “ronda” individual por cada aluno e ao longo de todo o workshop.

O dia de “serviço” terminará com outra cobertura fotográfica, pelas 22 horas, que será, com toda a certeza, também motivo de atenção por parte dos alunos.

Outros “bonecos” serão, porventura, apetecíveis ou pertinentes de registo, tais como fotos de arquivo, ao longo de todo o workshop, sempre sob a orientação formativa da formadora.

A Direcção Regional de Lisboa e Vale do Tejo passa também a ser apoio na divulgação/angariação de inscrições do “Fotojornalista por um dia+”, para além da Direcção Regional Norte e Centro.

Como nova parceria, com sentido, “brota” a agência de Comunicação e Eventos, MEDIA 1881 (Sediada em Aveiro) assumindo-se, a partir deste referido workshop, como apoio promocional (Também patrocínio da t’shirt “Happy Hour” do bailarino ou Prof. de dança)… E, particularmente nesta acção formativa, como apoio na divulgação, também participa a 1º televisão portuguesa da internet, a TVNET.

O fotógrafo/designer Marco Santiago continua como parceiro interactivo na concepção do cartaz informativo.

O processo de inscrições encontra-se em aberto até dia 20 de Janeiro (Meia-noite), no valor de 25 euros para os interessados portadores do Cartão Jovem, e no valor de 30 euros, para os não portadores (Para máximo de 15 horas, em frequência total ou parcial), com direito ao Certificado de Participação autenticado pela formadora, pela direcção regional em questão do IPJ e pela Direcção da agência Global Imagens.

Que podem ser oficializadas no IPJ de Lisboa e Vale do Tejo (Zona do Parque das Nações), via telefone pelo 21 – 892 08 00 ou via e-mail ipj.lisboa@ipj.pt, sendo que Ana Jesus Ribeiro também se dispõe a optimizar as mesmas inscrições como também no esclarecimento, através do e-mail jribeiro.ana@gmail.com e/ou pelo móvel, 91 209 09 69.

 

 

19 NOV. ’11 PORTO – 9º Workshop “Fotojornalista por um dia+”

Novembro 8, 2011

A região norte, pela cidade do Porto, volta a ser palco, desta vez, do 9º Workshop do “Fotojornalista por um dia+” de Ana Jesus Ribeiro (https://anajesusribeiro.wordpress.com; http://www.facebook.com/anajesusribeiro) agendado para dia 19 de Novembro, sábado.

Na base do conceito foto reportar+, sempre patente e permitindo ao aluno(a) a oportunidade de lidar de perto e em tempo real com as rotinas de um fotojornalista…

… A agenda formativa terá início, pelas 9 horas, com a “HAPPY HOUR DE FOTOGRAFIA”, conceito que tem por objectivo a criação de empatia de grupo e o exercitar descontraído com motivos em movimento, contando com a dança para tal e, desta vez, com a colaboração das bailarinas Vânia Arenga e Ângela Fonseca, em química coreográfica e sob a mira dos alunos, aula esta que será tida no auditório da agência do Porto da FUNDAÇÃO INATEL, sediada na Casa Jorge Sena… Espaço este disponibilizado pela respectiva Direcção, que demonstrou total colaboração.

Um serviço por defeito que a formadora preserva como importante no sentido de descobrir quais as noções técnicas de cada aluno(a) e uma forma construtiva de relaxamento, antes de partirem para uma nova experiência que será sentida na pele como um “dia de trabalho” para cobrir.

O “Fotojornalista por um dia+” contará com a parceria pré-estabelecida com a agência de repórteres fotográficos designada de Global Imagens (GI) … Agência esta que faz cobertura de serviços para meios tais como Jornal de Notícias, Diário de Notícias, as revistas do Grupo Controlinveste… E terá a sua aula de conceitos teóricos nesta mesma agência, com acesso à agenda de serviços interna que informará a formadora, e esta aos seus alunos, quais os serviços que preencherão parte da manhã como tarde do referido workshop.

O almoço “formativo”, pelas 13 horas, continua a marcar pontos e prima pela troca descontraída de experiências e saberes da formadora aos seus alunos.

A importante visualização e discussão dos trabalhos realizados pelos alunos, com “sensação de trabalho quase cumprido”estão apontadas para as 18 horas e na Global Imagens.

Para acabar o dia de “serviço”, pelas 23 horas, o LATIN POWER 2 é o espectáculo a foto reportar, organizado e promovido pela Escola e Produções de Dança, Ritmo Azul, que promete regressar para trazer mais calor e energia, cheio de ritmo e emoção, motivos e sensações fotográficas de sobra para o(a) aluno(a) inspirar-se e dar azo ao registo.

Outros “bonecos” serão, porventura, apetecíveis ou pertinentes de registo, tais como fotos de arquivo, ao longo de todo o workshop, sempre sob a orientação formativa da formadora.

A Direcção Regional do Norte do Instituto Português da Juventude é apoio do projecto formativo em referência, tal como prosseguem a Associação de Solidariedade Social, e Recreio, Formação e Cultura, Club D’ Ancas (http://www.clubedeancas.com) e o fotógrafo/designer Marco Santiago, como parceiros interactivos.

As inscrições encontram-se abertas até dia 18 de Novembro (Meia-noite), no valor de 30 euros para os interessados portadores do Cartão Jovem, e no valor de 35 euros, para os não portadores (Para máximo de 15 horas, em frequência total ou parcial), com direito ao Certificado de Participação autenticado pela formadora, pela direcção do IPJ Porto e da agência GI.

As mesmas inscrições podem ser oficializadas no IPJ do Porto, via telefone pelo 22 – 608 57 00 ou via e-mail para ipj.porto@ipj.pt, sendo que Ana Jesus Ribeiro também se dispõe a optimizar as mesmas como também no esclarecimento, através do e-mail jribeiro.ana@gmail.com e/ou pelo móvel, 91 209 09 69.

O Núcleo Cultural da Associação Club D’ Ancas [Nota Informativa]

INSCRIÇÕES 7º Workshop “Fotojornalista por um dia+” 24 Set. ’11_PORTO

Setembro 13, 2011

A região norte, pela cidade do Porto, será palco do 7º Workshop do “Fotojornalista por um dia+” de Ana Jesus Ribeiro (https://anajesusribeiro.wordpress.com; http://www.facebook.com/anajesusribeiro) agendado para dia 24 de Setembro, sábado.

Dentro do conceito foto reportar+, permitindo ao aluno(a) a oportunidade de lidar de perto e em tempo real com as rotinas de um fotojornalista, a agenda deste workshop inicia, pelas 9 horas, com a “Happy Hour de Fotografia”, que tem por objectivos a criação de empatia de grupo e o exercitar descontraído com motivos em movimento, mais uma vez, contando com a dança para tal e, desta vez, com a colaboração da escola Companhia25.

Um serviço por defeito que a formadora preserva como importante no sentido de descobrir quais as noções técnicas de cada aluno(a) e antes de partirem para uma nova experiência, que será sentido na pele como um “dia de trabalho” para cobrir.

O “Fotojornalista por um dia+”, com parceria pré-estabelecida com a agência de repórteres fotográficos designada de Global Imagens (GI) há já alguns workshops… Agência esta que faz cobertura de serviços para jornais tais como Jornal de Notícias, Diário de Notícias, revistas Notícias Magazine e Notícias Sábado, etc.…, terá a sua aula de conceitos teóricos nesta mesma agência com acesso à agenda de serviços do diário Jornal de Notícias, que preencherá parte da manhã e tarde do referido workshop.

O almoço “formativo”, pelas 13 horas, continua a marcar pontos e prima pela troca descontraída de experiências e saberes da formadora aos seus alunos, contando no mesmo com a participação especial do colega de profissão de Ana Jesus Ribeiro, o fotógrafo profissional Raúl Cardoso, para partilhar com os alunos vivências foto jornalísticas mais destacantes do seu percurso.

A importante visualização e discussão dos trabalhos realizados pelos alunos, com “sensação de trabalho quase cumprido”, está apontada para as 18 horas e na Global Imagens.

Para acabar o dia de “serviço”, o(a) aluno(a) ainda terá uma foto reportagem cuidada e sob certas restrições para concretizar agendada para as 22 horas: uma ronda nocturna de apoio ao sem-abrigo, organizada e liderada pelo Grupo Amigos da Rua.

Outros “bonecos” serão, porventura, apetecíveis ou pertinentes de registar, tais como fotos de arquivo, sempre sob a orientação formativa da formadora.

A referir de que já se encontra pré-agendado o 8º workshop “Fotojornalista por um dia+” para 15 de Outubro, pela região da Bairrada, entre Aveiro e Coimbra, com a parceria já pré-estabelecida com o semanário Jornal da Bairrada.

A Direcção Regional do Norte do Instituto Português da Juventude também é apoio do projecto formativo em referência, tal como prosseguem a Associação de Solidariedade Social, e Recreio, Formação e Cultura, Club D’ Ancas (http://www.clubedeancas.com) e o fotógrafo/designer Marco Santiago, como parceiros interactivos.

Este workshop contou com um especial apoio a jeito de patrocínio da empresa AC Pinho – Soluções Globais em Telecomunicações.

As inscrições encontram-se abertas e até dia 23 de Setembro (Meia-noite), no valor de 30 euros para os interessados portadores do Cartão Jovem, e no valor de 35 euros, para os não portadores (Para 15 horas, em frequência total ou parcial), com direito a Certificado de Participação, podendo oficializá-las no IPJ do Porto, via telefone pelo 22 – 608 57 00 ou via e-mail para ipj.porto@ipj.pt, sendo que Ana Jesus Ribeiro também se dispõe a optimizar as mesmas inscrições como também no esclarecimento, através do e-mail jribeiro.ana@gmail.com e/ou pelo móvel, 91 209 09 69.

Pel’ a Associação Club D’ Ancas,

Vânia Arenga

[Nota Informativa]

“Miguel Frasquilho sobre o OE para 2010… a convite da CPS de anadia do PSD”

Fevereiro 8, 2010

Miguel Frasquilho, vice-presidente do grupo parlamentar do PSD, disse na sexta-feira, dia 5 de fevereiro, na curia, concelho de anadia, que o país está a caminhar para o precipício. o parlamentar referiu que o PSD teve em conta “o interesse do estado ao viabilizar, pela abstenção, o orçamento”, mas que o que o PS fez “foi atirar portugal para uma situação muito complicada”.

o deputado à assembleia da república falava no âmbito da conferência “orçamento do estado para 2010 – o corolário de cinco anos perdidos”, promovida pela comissão política de secção (CPS) de anadia do PSD.

José Manuel Ribeiro, presidente da CPS de anadia do PSD, lembrou que esta seria a terceira conferência de Miguel Frasquilho sobre o orçamento do estado para 2010, que tinha passado já pelo porto e covilhã, cidades às quais se seguiu anadia, que integrou “este roteiro de acção política”.

considerado por José  Manuel Ribeiro “um dos melhores economistas do país na vida política activa e um valor crescente no PSD”, Miguel Frasquilho regozijou-se por falar para “uma casa cheia”. e começou logo por referir que “o país atravessa um momento particularmente difícil, já há cerca de 10 anos, com o definhamento da nossa economia. nos últimos cinco anos, o PSD advertiu para os erros da política económica que estava a ser seguida”, acusando o primeiro-ministro José Sócrates de ser “o causador do pior défice de sempre do país”.

“no ano de 2004, último de governação PSD/CDS, a dívida pública era de 58,7% e em 2010 vai ser na ordem dos 85,4%. estamos pior ao nível do rendimento por habitante (nível de vida); do crescimento da economia; do défice externo; do investimento público; da carga fiscal; da taxa de desempego” e de outros tantos indicadores. Miguel Frasquilho considerou que estes dados são “o retrato de uma governação falhada”, dizendo não saber “como quem governou nos últimos anos vai conseguir dar a volta”.

sendo 2009 um ano de crise profunda, com crescimento negativo a nível mundial, portugal “vai arrancar da crise internacional de forma mais desfavorável. o desemprego poderá estar na casa dos dois dígitos, entre 10 e 11%, números nunca antes atingidos no nosso país”, advertiu.

Frasquilho lembrou as projecções do fundo monetário internacional (FMI) para a economia portuguesa, que “é sempre a descer. somos o vigésimo pior país, de 27, em termos de nível de vida na união europeia (UE) e o sexto com maior défice em 2009 e com a quinta maior dívida pública”. face a esta “situação tão complicada”, se ainda passasse “para fora que o nosso orçamento não seria aprovado, as taxas de juro disparariam”.

desta forma, o deputado disse que com as indicações dadas pelo ministro das finanças, Teixeira dos Santos, o PSD “teria de viabilizar o orçamento do estado, pela abstenção. o governo praticou uma política totalmente desajustada, com erros gravíssimos cometidos ao longo destes cinco anos”.

Frasquilho referiu que não falava da política fiscal do orçamento do estado, “porque ela não existe”. mas lembrou que portugal tem um esforço fiscal 20% acima da média da UE: “pagamos impostos a mais. espanha paga 17% a menos, o que faz com que tenha margem para aumentá-los e o nosso país já não”. o deputado disse que “este orçamento ainda não corta na despesa pública” e defendeu, a título de exemplo, o corte “nos estudos de consultoria”.

a sessão terminou com um participado debate, onde a plateia, aberta aos militantes do PSD mas também à sociedade civil, colocou diversas questões a Miguel Frasquilho, que não deixou ninguém sem resposta.

[gabinete de relações públicas e comunicação social da CPS do PSD de anadia]

“cinema a cores da pintora Lara Roseiro… acção!”

Novembro 27, 2009

a galeria municipal recebe entre 12 a 31 de dezembro uma exposição de pintura intitulada “cinema a cores”, da autoria da pintora Lara Roseiro. 

a inauguração desta mostra inserida no ciclo de exposições 2009 terá lugar no dia 12 de dezembro, às 16:00, e até dia 31 de dezembro a artista apresenta ao público um vasto leque de trabalhos.  

com esta exposição a autarquia oferece a possibilidade a todos os apreciadores de arte, e não só, de contactarem com o trabalho desta talentosa artista.

    exposição “cinema a cores”

esta exposição reúne 18 obras – técnicas mistas sobre tela – e uma instalação com 9 cadeiras de realizador personalizadas pela artista, elaboradas em 2008 e 2009. algumas das obras são adornadas com acessórios/objectos permitindo uma maior dinâmica às mesmas. 

o público é assim convidado a ser ele o realizador do “filme/exposição” dando largas à imaginação e interpretando as obras observadas. assim, propõe-se uma mostra divertida, alegre, colorida, jovem e dinâmica, onde cada um utiliza a claquete e redige no imaginário os “take”’ e cenas do que examina. uma diversidade de tons, texturas e plasticidade afirmam-se em todas as obras, onde as cores reinam nesta exposição.  

sobre Lara Roseiro

a pintora nasceu em coimbra, a 2 de abril de 1980, e reside em águeda.

Lara Roseiro é licenciada em pintura pela escola universitária das artes de coimbra – ARCA/EUAC. em 2003, após ter terminado o curso, estagiou na câmara municipal de oliveira do bairro e foi aí que começou a sua carreira na área do mosaico artístico. 

já realizou diversas exposições individuais e colectivas de pintura em coimbra, luso, aveiro, oliveira do bairro, lisboa, figueira da foz, águeda, coruche, entre outras.  

Lara Roseiro foi premiada em diversos concursos artísticos:

3º prémio na área da pintura no concurso ‘aveiro jovem criador 2004’, menção honrosa na área da técnica mista na bienal internacional de arte jovem de vila verde em 2007 e mais recentemente o 2º prémio na bienal de arte jovem de penafiel, em 2008.  

é na área do mosaico que se tem focalizado mais, na qual projecta e executa murais e painéis em interiores e exteriores: piscinas municipais de oliveira do bairro, AMPER – oliveira do bairro, luso, depósito de água – oliveira do bairro, loja E.L.A. – anadia, APPACDM anadia – casal comba, centropack – coimbra, monumento na praça do município – oliveira do bairro, dois lavadouros, um parque de lazer e uma fonte em albergaria-a-velha, restaurante no porto e moradias particulares nos concelhos de anadia, albergaria-a-velha, pombal, aveiro e porto.

“cinema a cores” abre as suas portas no dia 12 de dezembro e estará patente ao público até 31 de dezembro, de segunda a sexta-feira entre 9:00 as 18:00, na galeria municipal, no edifício da câmara municipal.

no dia 13 de dezembro, domingo, a exposição estará disponível ao público entre as 10:00 às 19:00, ficando também a sugestão para visitar a tradicional feira das velharias, na praça do município. 

faça parte deste “filme”, visite a galeria municipal! 

[câmara municipal de águeda]
 

“sinto que existe aqui uma apetência muito grande para o cinema…” [Nuno Carinhas]

Outubro 11, 2009

Nuno Carinhas_Teatro Nacional São João_Porto

[…] mas voltando ao cinema. aquilo que eu gostaria de fazer era uma mostra de cinema que tivesse a ver com o teatro. seria uma coisa muito temática e para os interessados, de forma a estabelecer pontes entre as duas coisas. não é nada de inédito, é só uma outra forma de organizar e que seria comissariado por alguém do cinema ou do teatro que tivesse essas duas vertentes. mas é-nos muito difícil também tirar espaço de ocupação ao teatro.  

mas como vê a possibilidade da criação de um pólo da cinemateca no porto? sinto que existe aqui uma apetência muito grande para o cinema, porque quando se fazem ciclos em serralves têm imensa visibilidade e sucesso junto do público. isso é claramente um sinal de que é necessário tratar dessa questão aqui, na terra do mais antigo cineasta vivo. […]

TNSJ torna-se co-produtor do festival de almada e de alkantara […]

http://www.bonsvicius.net/index.php?option=com_content&task=view&id=296&Itemid=1

“mesmo que o local não pertença a alguém que pague, intervimos” [Sérgio Bento – GN aveiro]

Outubro 5, 2009

Guarda Nocturno_Sérgio Bento_Aveiro Guarda Nocturno_Grupo Jovens_Repreensão_Aveiro

arriscam a vida, todas as noites, para vigiar casas, lojas, pessoas  e equipamentos, mas não têm ordenado fixo. são 400 no país, distribuídos  por lisboa, porto,  setúbal, aveiro e leiria. 

o DN [*] acompanhou um turno. […]

Sérgio Bento, 30 anos, estatura média, mas muito entroncado, segue, acompanhado pela equipa de reportagem do DN, para a sua área de vigilância que inclui a zona de diversão nocturna conhecida como praça do peixe. […]

[*] repórteres DN: Ana Jesus Ribeiro e Joana Capucho

http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1381463&seccao=Centro

com armas mas desarmados

o estado não reconhece a actividade como profissão de risco, mas são inúmeros os episódios relatados pelos guardas-nocturnos (GN) com facas, navalhas e armas de fogo.

os GN de aveiro nunca receberam armas da PSP ou GNR e só estão dotados de pistolas aqueles que têm licença de uso e porte de arma.

uma grande parte está a aguardar que a licença seja emitida, queixando-se de uma prolongada espera.

em lisboa e noutras cidades, as forças policiais distribuíam armas pelos vigilantes, o que deixou de acontecer recentemente.

mas uma portaria publicada pelo governo no mês passado prevê o uso de arma, de carácter permanente, a fornecer pelas forças de segurança.

as armas que acompanham agora os GN só podem usadas em defesa pessoal.

daí, estes profissionais alegarem que a sua missão de defender terceiros fica comprometida.

com armas no coldre sentem-se desarmados.