Posts Tagged ‘“explosivos por via marítima”’

“eu se fosse terrorista não trazia os explosivos por via marítima” [almirante Nuno Vieira Matias]

Fevereiro 15, 2010

“não me parece que seja necessário à ETA utilizar a via marítima para fazer entrar explosivos em portugal, pois isso seria correr riscos desnecessários.”

as declarações do almirante Nuno Vieira Matias, ex-chefe do estado-maior da armada surgem após Garcia Leandro, ex-chefe do estado-maior do exército, ter afirmado ao DN que os explosivos encontrados em óbidos poderiam ter entrado por via marítima.

à margem do seminário “a segurança e a economia do mar”, que decorreu em aveiro na quinta-feira, Vieira Matias, presidente da academia da marinha, afirmou que se os etarras “transportarem os explosivos num transporte normal, este vem pela estrada com bidões de nitrato de amónio ou de outras coisas e entra como se fosse um fertilizante para a terra”.

o almirante, que exerceu o cargo de professor de explosivos na escola naval, manteve-se firme na convicção de que os explosivos da ETA encontrados em óbidos não entraram no país através do mar.

“na via marítima entra a fronteira de espanha e a fronteira de shengen; a via terrestre está aberta a circulação a todos os países que aderiram a shengen”, explicou ao DN. Nuno Vieira Matias brincou mesmo dizendo: “eu se fosse terrorista não trazia os explosivos por via marítima.”

http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1493976&seccao=Centro